Como Plantar ORQUÍDEA em VASO – Dicas Passo a Passo!

Como Plantar orquídea em vaso passo a passo: A seleção do substrato e do vaso é crucial para manter a quantidade certa de água e nutrientes para sua orquídea. Se ainda não conhece sobre substratos, confira nosso episódio explicativo.

2. Evite Transplantar Orquídeas Floridas

Não mexa nas raízes de uma orquídea em plena floração, pois isso pode fazer com que ela aborte suas flores. Espere a florada acabar para evitar problemas.

3. Nunca Reaproveite Substrato Usado

Substrato usado não é adequado para replantar outras orquídeas. Melhor destinar esse substrato velho para a composteira.

4. Remova Folhas Velhas e Secas

No momento do transplante, faça uma limpeza na sua orquídea, descartando o substrato antigo e removendo folhas velhas, secas ou mal formadas. Quanto às hastes florais, uma regra simples: corte se estiverem secas, mantenha se estiverem verdes.

5. Não Corte as Raízes

Ao contrário das folhas e hastes florais, as raízes, mesmo que aparentem estar secas, não devem ser cortadas. O que pode parecer seco é o velame, uma proteção das raízes.

6. Prefira SEMPRE Vasos Furados

Orquídeas adoram umidade, mas detestam água empoçada. Utilize sempre vasos com furos para evitar que as raízes apodreçam.

orquídea em vaso

7. Prenda o Tutor ANTES de Plantar a Orquídea

Para evitar que a planta balance (veja dica 2), fixe um tutor (arame grosso) antes de plantar a orquídea, proporcionando estabilidade.

8. Evite Entupimento do Furo do Vaso

Lembre-se de usar um pequeno fragmento de vaso ou outro material sobre o furo para evitar que o substrato obstrua a passagem da água.

9. Umedeça o Esfagno com Água e Adubo

Ao trabalhar com esfagno, um tipo especial de musgo, deixe-o de molho em água por alguns minutos. Aproveite e adicione um pouco de adubo à água.

10. Use Menos Adubo do que o Recomendado

Evite uma superdosagem de nutrientes que poderia prejudicar a planta. Lembre-se: menos é mais.

11. Posicione a Planta um Dedo Abaixo da Borda

Deixe espaço no vaso para acomodar as raízes e o substrato. Após o replantio, compacte suavemente tudo no vaso.

Como Cuidar de Rosa do Deserto

12. Verifique se a Planta Está Firme

Após o tutor, o substrato e o apertão, sacuda o vaso levemente para verificar se a planta está bem fixada. Evite que a planta fique balançando.

13. Ponderação no Peso do Vaso e da Camada de Drenagem

Se estiver usando um vaso de plástico, coloque pedras ou algo pesado no fundo para evitar que a planta e o vaso tomem vento.

Após o plantio, lembre-se de uma regra importante: plante e regue. Use água generosamente, pois o vaso possui furos para drenagem. Garanta algumas horas de luz solar para deixar sua orquídea feliz e florescer abundantemente.

14. Fique Atento às Regas

Observar a necessidade de rega é fundamental para o sucesso do cultivo da sua orquídea em vaso. Evite regar em excesso, pois o acúmulo de água pode levar ao apodrecimento das raízes. Faça a rega quando o substrato estiver quase seco ao toque.

15. Adubação Adequada

Mantenha a orquídea saudável fornecendo os nutrientes necessários por meio de uma adubação adequada. Utilize um adubo específico para orquídeas e siga as instruções de dosagem.

16. Monitoramento das Condições Ambientes

Fique atento às condições do ambiente onde sua orquídea está localizada. Certifique-se de que ela receba a quantidade adequada de luz, evitando expô-la diretamente ao sol intenso ou a locais excessivamente sombreados.

17. Cuidado com Pragas e Doenças

Mantenha um olhar vigilante para identificar qualquer sinal de pragas ou doenças em sua orquídea. Manchas, folhas amareladas ou presença de insetos podem indicar problemas. Caso detecte algo anormal, tome as medidas necessárias para tratamento.

18. Faça a Podagem Adequada

Após a floração, algumas orquídeas podem necessitar de poda para estimular o crescimento de novos brotos e garantir a saúde da planta. Pesquise sobre a poda específica para a espécie que você está cultivando.

19. Proteção em Épocas de Temperaturas Extremas

Se você vive em uma região com temperaturas muito altas ou baixas, tome medidas para proteger sua orquídea. Durante ondas de frio, proteja a planta com um tecido leve, e em períodos quentes, evite exposição direta ao sol.

20. Acompanhamento e Paciência

O cultivo de orquídeas requer paciência e dedicação. Monitore o desenvolvimento da planta, observe como ela reage às suas ações e ajuste os cuidados conforme necessário. Cada orquídea é única, e entender suas necessidades individuais é parte essencial para seu crescimento saudável e bela floração.

Lembre-se de que o cultivo de orquídeas pode ser uma atividade prazerosa e recompensadora. Com a combinação certa de cuidados e atenção às necessidades da planta, você estará cultivando belas orquídeas em vasos, trazendo beleza e harmonia ao seu ambiente. Boa sorte!

ATENÇÃO: Não guarde essas dicas de orquídea só para você, compartilhe com seus amigos e redes de socias, ajude também outras pessoas que querem aprender as melhores dicas para orquídeas.